MENU

19 3534 2189

IORC Instituto de Olhos de Rio Claro


Diretor Técnico:

Henrique Monteiro Balarin Silva

CREMESP 92721

HOME > ARTIGOS | VOLTAR

O Anel de Ferrara no Ceratocone

Compartilhe

O anel de Ferrara ganhou notoriedade apos o seu implante em um “ex-big brother”, portador de ceratocone, doença esta que causa alterações no formato da córnea. Em pacientes com este problema, tentamos a reabilitação da visão com o simples uso de óculos e caso este seja insuficiente, passamos às lentes de contato. Quando estas não atingiam o sucesso esperado, estava indicado o transplante de córnea. O anel de Ferrara surge como uma opção ao transplante, ou seja, pacientes que não obtiveram sucesso com as lentes de contato, podem ter sua deformidade corneana minimizada pelo implante do anel. Uma vez que nesta técnica utiliza-se material sintético, inerte ao organismo, não existe a necessidade de espera na fila de transplante, nem risco de rejeição. A reabilitação visual, via de regra, é mais rápida que no transplante, além de ser uma técnica reversível.